Lista de Pleonasmos – Professor Pasquale

Pleonasmo é uma figura de linguagem mas se usada incorretamente, torna-se um vício de linguagem. Veja uma pequena lista feita pelo professor Pasquale (recebido via e-mail)

Observe como falamos errado tantas vezes e nem percebemos.
Já nos acostumamos!

1) Planos ou projetos para o futuro.
Você conhece alguém que faz planos para o passado? Só se for o Michael Fox no filme ‘De volta para o Futuro’.

2) Criar novos empregos.
Ora bolas, alguém consegue criar algo velho?

3) Hábitat natural.
Todo hábitat é natural; consulte um dicionário.

4) Prefeitura Municipal.
No Brasil só existem prefeituras nos municípios. Aliás, ainda bem!

5) Conviver junto.
É possível conviver separadamente?

6) Sua autobiografia.
Se é autobiografia, já é sua.

7) Sorriso nos lábios.
Já viu sorriso no umbigo?

8) Goteira no teto.
No chão é impossível!

9) Estrelas do céu.
Paramos à noite para contemplar o lindo brilho das estrelas do mar?

10) General do Exército.
Só existem generais no Exército.
Brigadeiro da Aeronáutica. Só existem brigadeiros na Aeronáutica.
Almirante da Marinha. Só existem almirantes na Marinha.

11) Manter o mesmo time.
Pode-se manter outro time?

12) Labaredas de fogo.
De que mais as labaredas poderiam ser? De água?

13) Pequenos detalhes.
Se é detalhe, então já é pequeno. Existem grandes detalhes?

14) Erário público.
O dicionário ensina que erário é o tesouro público, por isso, erário só basta!

15) Despesas com gastos.
Despesas e gastos são sinônimos!

16) Encarar de frente.
Você conhece alguém que encara de costas ou de lado?

17) Monopólio exclusivo.
Ora, pílulas, se é monopólio, já é total ou exclusivo…

18) Ganhar grátis.
Alguém ganha pagando.

19) Países do mundo.
E de onde mais podem ser os países?

20) Viúva do falecido.
Até prova em contrário, não pode haver viúva se não houver um falecido.

About these ads
Por Milene Cristina Postado em letras

60 comentários em “Lista de Pleonasmos – Professor Pasquale

  1. Prezado Prof Pasquale.
    Observando sua lista de pleonasmos, muito boa, por sinal; gostaria que avaliasse a seguinte consideração a respeito do item 15. Despesa com gastos:Toda a despesa é um gasto necessário a consecução de receita, daí temos a redundãncia da expressão, porém nem todo gasto é despesa, pois os gastos também podem se referir a custo, ou seja dispêndio que se refere a alocação de recursos na composição de produtos ou de bens de capital e até mesmo de investimentos.
    Atenciosamente
    Jorge Dias

  2. Toma aí outra listinha de pleonasmos:

    Pleonasmos mais comuns: ambos os dois, jogo lúdico, voltar atrás, anãozinho pequeno, rever novamente, ausência da presença, passou um helicóptero voando, dilema antagônico, raciocínio abstrato, voz agradável aos ouvidos, testículo dos machos, defecar fezes, surdo dos ouvidos, sujo de sujeira, soteropolitano da Bahia, doido da cabeça.

    Pleonasmos absurdos: beijo de boca, tomar banho de água líquida, eu nunca me suicidei, negativo abaixo de zero, nevar neve gelada, morder com os dentes da boca, chinês da China, açúcar doce, chute de pé, torcicolo no pescoço, ler letras, dupla de dois, dor dolorosa, enchente de água, mau hálito na boca, defunto morto.

    Falsos pleonasmos: gol olímpico na olimpíada, pegar com as mãos, rosa rosa, dormir deitado, gaúcho de Porto Alegre, lápis de escrever, água de beber, bomba explosiva, dançar uma dança, chover chuva, anão baixinho, imposto de renda alto, comer comida, sede de água, choque eletrizante, enterrar na terra, bola redonda, todo mundo do mundo, chulé nos pés.

  3. Prof. Pasquale,
    Necessito do seu auxílio para a melhor interpretação do art. 62, II da lei nº 5010/66:
    “Art. 62. Além dos fixados em lei, serão feriados na Justiça Federal, inclusive nos Tribunais Superiores:

    I – os dias compreendidos entre 20 de dezembro e 6 de janeiro, inclusive;

    II – os dias da Semana Santa, compreendidos entre a quarta-feira e o Domingo de Páscoa;

    III – os dias de segunda e têrça-feira de Carnaval; ”

    …”
    Conto com a sua preciosa ajuda.
    Obrigada!!!
    Jaquelne B.S. de Moura

  4. Liga para o telefone da sua casa e pergunta : c tah em casa…

    Sol tah quente neah…

    “vamos fugir p/ outro lugar[...]” ???????????<música… só se pode fugir para outro lugar.

    Quero um amor maior, amor maior que eu… como se mede o amor se ele é abstrato

    Filho homem… o genero da palavra filhO jah diz que é homem…

    minininha pequena, se é mininiha é pequena

    Quando td esta perdido sempre existe um caminho(legião urbana) se tem caminho num tah perdido

    Tranformar para fazer mudanças… transformar é = a mudar…

    entrar no chuveiro… impossivél
    tomar banho… que bebida é esta?

    Pasta de dente… apasta não é feita de dentes, é creme dental poow…

    oléo e agua, mistura mentirosa… se não mistura não pode ser chamado de mistura…

    etc…>>>> pra que a pohha da reticencias se etc. jah diz que continua.

    e assim sucessivamente…

  5. Querem ver mais redundância?

    a-S menina-S ( PLURAL – PLURAL)

    bel-A garot-A ( GENERO FEMININO – GENERO FEMININO)

    redundância é uma característica natural das línguas. E pode ser de ordem morfossintática como a dos exemplos que eu trouxe ou de ordem semântica como a dos exemplos do blog. Sabe-se lá porque diabos as pessoas enchergam redundâncias e pleonasmos só em exemplos de ordem semântica.

  6. Falando em estrelas do ceu…vou contar uma historinha veridica

    Certa vez o filosofo Galileu reuniu-se com outros filosofos para provar-lhes a sua teoria. Pediu-lhes para verem as luas de Júpiter em seu telescópio. Os filosofos olharam em seu telescopio, viram e responderam a ele que se Aristóteles não falava das luas então elas não existiam…

    Moral da historia, e preciso saber olhar e V-E-R…

    • dizemos isso provavelmente porquer as gramaticas falam só desse tipo de redundância: pleonasmos, da mesma forma que Platão falava só de outras luas…

  7. OLÁ ME CHAMO WENDERSON, e quero saber porque W
    tem som de U e V , principalmente porque no meu nome tem som de U ,algumas pessoas insistem em me chamar de VENDERSON , e naõ sei como expricar porque me chamo wenderson e nao venderson gostaria de saber .obrigado

    • morrer para sempre, pode ser pleonasmo, se de facto morreu…ora pense lá, poderia morrer e escrever a frase? nao!
      agora no sentido filosofico se pode morrer! e um dia se voltar.
      mas nao deixo de lhe referir uma autentica noticia,na guerra em africa muitos foram os soldados que morreram e um dia voltaram como no vietename (é caso para pensar)

  8. O estilo, os comentários e mesmo o conteúdo instalam dúvida quanto a ser esta lista realmente do Prof. Pasquale. Vejam, e.g., “Prefeitura Municipal”, que não é pleonasmo, seja porque já está arraigado à cultura linguística, seja porque a prefeitura pode ser distrital ou ainda Prefeitura do Campus, como temos em tantas universidades.

    • Acredito que ‘Prefeitura Municipal’ pode caracterizar-se como pleonasmo dependendo do seu emprego, por exemplo; O repórter diz: ”O prédio da Prefeitura Municipal de São Paulo passou por reformas”, neste caso bastaria dizer: ”O prédio da Prefeitura de São Paulo passou por reformas”.

  9. Prezado Prof. Pasquale: Aqui na Rádio e TV Unicamp comemeçou uma discussão que mais me parece discussão de sexo de anjos. Afinal; a gente deve escrever e passar a usar a palavra aportuguesada WEBRADIO (sem acento), WEB RÁDIO, RÁDIO WEB OU????? Porque até então tínhamos adotado a palavra WEBRADIO e alguns jornalistas veteranos aqui na Rádio e TV da Unicamp começaram a insistir na palavra Rádio Web, o que certamente nos fará mudar todas as vinhetas desde o ano passado utilizadas. O que fazemos? Nos ajude. Sou locutor e produtor radialista desde 1989, jornalista com notório saber pelo meu MTb de Repórter Cinematográfico também e não sei o que fazer.

  10. Aqui fala uma assídua telespectadora dos jornais da globo – todos eles – TV Globo e Globo News e qual não tem sido minha surpresa diária quando a cada dia temos uma nova pronúncia para as palavras abaixo , será que agora o regionalismo tomou conta dos jornais da globo, pois parece que temos só uma região nesta país de dimensões continentais ? gostaria de sua análise para as seguintes palavras ouvidas diáriamente em seus diversos jornais

    Apruveitam – não seria aproveitam ?
    Guverno – não seria Governo ?
    Cumeu – Não seria Comeu ?
    Chuveu – Não seria Choveu – alías esta é repetida em todos os jornais ? sem exceção
    E a pérola do dia _ Fugão – será que queriam dizer fogão

  11. Segundo apurei, GENERAL DE EXÉRCITO deixou de ser considerado um plenonasmo, pela própria hieraquia do Exército que hoje contempla patentes como General de Divisão, General de Brigada etc., e General de Exército é considerada a maior patente entre as acima citadas. Estou mal informado?

  12. queria fazer um comentário sobre uma palavra que está sendo usada por muitos de qualquer forma.
    a palavra é LITERALMENTE. por ex: um certo comentarista disse que o goleiro fechou o gol literalmente. sería certo? aimpressão que dá é que o goleiro fez defesas e depois pegou tijolos e cimento e fez uma parede para fechar o gol. eu estou errado?

  13. 1: Quem vai sair da cidade tem outra alternativa. – Se é alternativa é outra, se não é outra é a mesma.
    2: O projeto já foi encaminhado ao vereador da cidade. – Vereador é da cidade, não existe vereador do bairro ou da rua.
    3: Nós temos uma vaga na empresa, mas o senhor tem que comparecer pessoalmente. – Se você comparece, você está em tal lugar pessoalmente. É impossível comparecer a distância.
    4: Para iniciarmos a receita, divida a melancia em duas metade iguais. – Se é metade é igual. Não existe metade diferente.
    5: Não duvide de mim, porque isso é um fato real. – Se é fato é real, porque não existe fato falso. Se não seria lenda.
    6: -Amigo, quando você grita, você grita alto ? – É lógico, como que alguém grita baixo ?

    Bom galera, fico por aqui. Qualquer coisa meu e-mail está aí.

  14. Na linguagem contábil e fananceira gasto é gênero, despesa é espécie, já que existe gastos com despesas e gastos com investimentos.

  15. Caro Professor, não sei se configura um pleonasmo, mas, se “ausente” significa “não estar” presente, parece-me paradoxal a expressão (muito usada no mundo corporativo) “estou ausente”. Por favor, comente.
    Fico-lhe muitíssimo grato!

  16. Caro professor Pasquale tenho notado uma têndencia da maioria das pessoas em usar o que eu chamo de ”português gerundiado”, se é que eu posso chamar assim.Por exemplo :Você estará recebendo sua encomenda esta semana ou : Nós estaremos enviando por meio de sedex ou ainda:Você estará acessando nosso site por meio de tal endereço.Não sei se estou certa mas acha que as pessoas estão sendo influenciadas pela mídia de propagandas e acham que é bonito falar assim, mas pessoalmente acho uma pobreza, principalmente nós que temos uma língua tão rica tanto em termos como em gramática.Qual é a sua opinião?Desde já agradeço sua resposta e gostaria de saber qual horário e qual emissora está se apresentando?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s