Programação Festival SESC Filmes com Audiodescrição

AUDIODESCRIÇÃO E LEGENDAS OPEN CAPTION NO FESTIVAL SESC MELHORES FILMES 2012.

 

Logotipo Festival SESC Melhores Filmes 2012 –  

O primeiro festival de cinema de São Paulo está em sua 38ª edição em 2012, premiando os melhores filmes de 2011. Os vencedores nas categorias nas categorias

de melhor filme, documentário, ator, atriz, direção, roteiro e fotografia para os filmes brasileiros e melhor filme, direção, ator e atriz para os filmes

estrangeiros, eleitos por público e crítica, serão exibidos no mês de abril.

 

Todas as sessões do Festival no CineSESC terão audiodescrição e legendas open caption, produzidas pela Iguale Comunicação de Acessibilidade (

www.iguale.com.br)

, proporcionando acesso com autonomia e inclusão sócio-cultural às pessoas com deficiência visual e auditiva.

 

Desde 2010 a programação do Festival também acontece em Unidades do SESC do interior de São Paulo, levando o melhor do cinema a 16 cidades e tornando-se

um dos maiores festivais em alcance do país. Os vencedores serão conhecidos no dia 04 de abril.

 

Confira abaixo, a programação completa com todos os filmes, datas e horários das sessões. Escolha seus filmes e bom divertimento:

 

Dia 05/04 – quinta:

 

14h – Singularidades de uma Rapariga Loura

 

17h – Capitães de Areia

 

19h – A Árvore da Vida

 

21h30 – Venus Negra

 

 

Dia 06/04 – sexta:

 

14h – Homens e Deuses

 

17h – Estamos Juntos

 

19h – Trabalhar Cansa

 

21h30 – Triângulo Amoroso

 

23h – Bruna Surfistinha

 

 

Dia 07/04 – sábado:

 

14h – O Discurso do Rei

 

17h – Cisne Negro

 

19h – Medianeiras: Buenos Aires na Era do Amor Virtual

 

21h30 – As Canções

 

23h – A Pele que Habito

 

 

Dia 08/04 – domingo:

 

11h – Rio (Cine Clubinho – dublado)

 

14h – O Mágico

 

17h – O Filme dos Espíritos

 

19h – Melancolia

 

21h30 – O Palhaço

 

 

Dia 09/04 – segunda:

 

14h – Rock Brasília – A Era do Ouro

 

17h – O Filme dos Espíritos

 

19h – Um Conto Chinês

 

21h30 – A Última Estação

 

 

Dia 10/04 – terça:

 

14h – Transeunte

 

17h – Feliz que Minha Mãe Esteja Viva

 

19h – Bruna Surfistinha

 

21h30 – Bahêa Minha Vida – O Filme

 

 

Dia 11/04 – quarta:

 

14h – Medianeiras: Buenos Aires na Era do Amor Virtual

 

17h – Filhos de João – Admirável Mundo Novo Baiano

 

19h – Bróder

 

21h30 – Cisne Negro

 

 

Dia 12/04 – quinta:

 

14h – Triângulo Amoroso

 

17h – Diário de uma Busca

 

19h – A Pele que Habito

 

21h30 – O Palhaço

 

 

Dia 13/04 – sexta:

 

14h – Rock Brasília – A Era do Ouro

 

17h – Trabalhar Cansa

 

19h – Tio Boonmee Que Pode Recordar Suas Vidas Passadas

 

21h30 – Melancolia

 

 

Dia 14/04 – sábado:

 

14h – O Palhaço

 

17h – Bróder

 

19h – Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte II

 

21h30 – Vênus Negra

 

 

Dia 15/04 – domingo:

 

11h – Os Muppets – O Filme (Cine Clubinho – dublado)

 

14h – Lola

 

17h – Cópia Fiel

 

19h – As Canções

 

21h30 – Meia Noite em Paris

 

 

Dia 16/04 – segunda:

 

14h – Riscado

 

17h – Trabalhar Cansa

 

19h – Capitães da Areia

 

21h30 – Saturno em Oposição

 

 

Dia 17/04 – terça:

 

14h – Cópia Fiel

 

17h – O Mágico

 

19h – Homens e Deuses

 

21h30 – A Pele que Habito

 

 

Dia 18/04 – quarta:

 

14h – Estamos Juntos

 

17h – Diário de uma Busca

 

19h – O Garoto da Bicicleta

 

21h30 – A Árvore da Vida

 

 

Dia 19/04 – quinta:

 

14h – Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte II

 

17h – Belair

 

19h – Transeunte

 

21h30 – O Discurso do Rei

 

 

Dia 20/04 – sexta:

 

14h – Bahêa Minha Vida – O Filme

 

17h – Filhos de João – Admirável Mundo Novo Baiano

 

19h – Capitães da Areia

 

21h30 – Um Conto Chinês

 

23h – O Palhaço

 

 

Dia 21/04 – sábado:

 

14h – Poesia

 

17h – Singularidades de uma Rapariga Loura

 

19h – Meia noite em Paris

 

21h30 – Cisne Negro

 

 

Dia 22/04 – domingo:

 

11h – Rei Leão 3D (Cine Clubinho – dublado)

 

14h – O Garoto da Bicicleta

 

17h – Lola

 

19h – Saturno em Oposição

 

21h30 – A Árvore da Vida

 

 

Dia 23/03 – segunda:

 

14h – Bahêa Minha Vida – O Filme

 

17h – As Canções

 

19h – Nana Caymmi em Rio Sonata

 

21h30 – Melancolia

 

 

Dia 24/04 – terça:

 

14h – Riscado

 

17h – Nana Caymmi em Rio Sonata

 

19h – Bruna Surfistinha

 

21h30 – Vênus Negra

 

 

Dia 25/04 – quarta:

 

14h – O Filme dos Espíritos

 

17h – Belair

 

19h – Bróder

 

21h30 – Poesia

 

 

Dia 26/04 – quinta:

 

14h – Tio Boonmee Que Pode Recordar Suas Vidas Passadas

 

17h – Riscado

 

19h – Feliz que Minha Mãe Esteja Viva

 

21h30 – A Última Estação

 

 

Dias 27 e 28 não haverá sessões do Festival.

 

Dia 29/04 – domingo:

 

11h – Um Gato em Paris (Cine Clubinho – dublado)

 

Consulte classificação indicativa dos filmes em:

www.sescsp.org.br/melhoresfilmes

 

Serviço:

 

CineSESC

 

Rua Augusta, 2075 – Cerqueira César – São Paulo

 

(próximo ao metro Consolação / três quadras da Av. Paulista)

 

Informações pelo site ou pelo telefone (11) 3087-0500

 

Todas as sessões terão os mesmos valores de ingresso:

 

R$ 4,00 (público em geral); R$ 2,00 (usuários com cartão de matrícula SESC, estudantes, terceira idade, professores da rede pública) e grátis (comerciários

e dependentes)

 

Aplicativo do Apontador permite check-ins simultâneos em redes sociais.

 
 
 
Apontador
 
 
O portal de busca de localidades Apontadoer tem uma excelente aplicação para Android, IPhone e BlackBerry.
 
A app identifica os lugares ao redor da região em que você está classificando – os por setores diversos como: recomendados, bares, restaurantes, bibliotecas, hospitais, academias, escolas, parques etc. Ao clicar em uma localidade, o usuário pode ver o endereço, mapa e ainda ligar diretamente para a localidade.
 
Na área de busca é possível procurar por qualquer localidade do Brasil todo e, se não a encontrar, pode cadastrá-la para que faça parte do sistema.
 
O mais interessante deste aplicativo é que você pode recomendar o lugar selecionado e fazer check-in simultâneamente no Foursquare, Facebook Places e Twitter. E se a localidade também estiver listada no Facebook Places, você ainda pode enviar uma foto.
 
Para estimular a frequência dos check-ins, a cada tarefa cumprida, seguidor, novo ou um certo número de check-ins realizado, você ganha medalhas assim como no GetGlue e no Foursquare e vai subindo de status em sua conta no portal.
 
Nos testes que fiz o app funcionou muito bem com Wi-Fi e com 3G no sistema Android do Galaxy Ace e em termos de praticidade deixa os aplicativos internacionais “no chinelo”. Vale a pena ter instalado.
 
 
Para as demais, acesse o poortal Apontador: apontador.com.br
 

Homenagem à Chico e Millôr

Entre a o fim da semana passada e o início desta, o Brasil perdeu dois grandes nomes que igualmente nos faziam rir e pensar: o humorista Chico Anysio e o desenhista, escritor e dramaturgo Millôr Fernandes. Amboa deixarm um grande legado no mundo das artes e entretenimento.
Pena que a população do nosso País tenha uma memória curta e não tenha o hábito de ter cultura (alguns acham que isso é babaquice e não dá dinheiro) porque ontem até o @estadao fez uma matéria com as pérolas que os tuiteirod perguntaram. Uma delas:" Millôr Fernandes era pai da Paula Fernandes?"
 
A charge a seguir é uma homenagem à estes dois grandes ícones que fizeram a diferença no Brasil e deixaram muita saudade.
 
Millor_e_chico_jpg_opt550x400o

 

Os velhos ditados na Era digital….

 
fonte: via e-mail 

Era digital…
Como estamos NA “ERA DIGITAL”, FOI NECESSáRIO REVER OS VELHOS DITADOS
EXISTENTES E ADAPTá-LOS à NOVA REALIDADE.

1. A pressa é inimiga da _conexão_.
2. Amigos, amigos, _senhas_ à parte.
3. A _arquivo_ dado não se olha o formato.
4. Diga-me que _chat_ frequentas e te direi quem és.
5. Para bom _provedor_ uma _senha_ basta.
6. Não adianta chorar sobre _arquivo deletado._
7. Em briga de namorados virtuais não se mete o_ __mouse_.
8. _Hacker_ que ladra não morde.
9. Mais vale um _arquivo no HD_ do que dois baixando.
10. _Mouse_ sujo se limpa em casa.
11. Melhor prevenir do que _formatar_.
12. Quando um não quer, dois não _teclam_.
13. Quem _clica_ seus males multiplica.
14. Quem com _vírus_ infecta, com _vírus_ será infectado.
15. Quem _envia_ o que quer, _recebe_ o que não quer…
16. Quem não tem _banda larga_, caça com _discada_.
17. Quem semeia _e-mails_, colhe _spams_.
18. Quem tem dedo vai a _Roma.com_
19. Vão-se os _arquivos_, ficam os _backups_.
20. Diga-me que _computador_ tens e direi quem és.
21. Uma _impressora_ perguntou para a outra: – Essa folha é sua ou é
_impressão_ minha?
22. Aluno de informática não cola, faz _backup_.
23. Na informática nada se perde nada se cria. Tudo se _copia_… E
depois se _cola_.
————————-
                                                                                  

Image001

                                                                                                                                     

                                                                                                                            

 

ShareWhere – LOcalização para facebook e Foursquare

 
 
 
 
Sharew

 
Fazer check-ins pode ser algo interessante se bem direcionado.Acredito que seja muito importante quando se quer postar em tempo real a localização de um evento que a pessoa promove ou participa. Há que o faça por puro hobby mas o certo é que já virou moda este tipo de atitude em redes sociais.
 
Uma boa aplicação para Android é o ShareWhere. O aplicativo é simples e mostra os locais de Foursquare e Facebook a serem compartilhados nestas redes sociais. Basta fazer loguin no Fousquare e Faceboo e já pode começar a marcar e comentar as localidades. Com a app pode ainda marcar como favoritos os lugares que mais visita e ver as localidades postadas por seus amigos.
 
Nos testes que fiz, a app teve um bom desempenho mas a imprecisão parece que agora faz parte das redes sociais. Seria o efeito da te,pestade Solar??
 

Site para consulta de remédios e bulas

 
 
 

Cr

 
 
Muitas vezes precisamos de algum medicamento que nos foi receitado pelo médico e queremos fazer uma consulta prévia de preços ou até mesmo ver a bula deste. Antes de ir à farmácia, vale a pena fazer uma pesquisa no site Consulta Remédios.
 
No site é possível fazer comparativo de preços por laborat[orios entre remédios comuns e os genéricos e ainda ler sua bula – tudo de maneira bem simplificada.
 
PS: Só não vale usar o espaço de comentários deste blog para perguntar sobre o assunto que deve ser consultado no site, ok?
 

Ficha Política – Consulta detalhada de políticos

 
 
 
 
Fichapo

 
Com a aproximação do período eleitoral, cresce o interesse em pesquisar o perfil de nossos políticos e assim se faz necessário o uso de uma boa ferramenta de busca para o assunto.
 
Ficha Política é um projeto de Rodrigo Alves que nos ajuda a saber informações detalhadas de políticos de todo o Brasil, sua trajetória desde 1998 com direito a relatórios de geolocalização e vídeos relacionados.
 
Para usar de maneira eficaz o buscador do site digite o nome do político após o endereço fichapolitica.com.br/nomedopolitico.
 
Vamos começar a pesquisar e exigir nossos direitos como contribuinte e que nossa populaçao possa assim começar a aprender a votar e sair da inércia evitando que a corrupção se torne uma prache em todos os governos
 
 

Crônica: Um tempo sem nome

 

 O namoro de Chico Buarque com a cantora Taís Gulin segue lindamente como as letras de suas músicas. É a prova de que o amor não se mede pela diferença de idade mas sim pelo sentimento e que nem sempre envelhecer é um ritual de passagem ruim como muitos pensam.
Segue abaixo uma bela crônica sobre o assunto

 

fonte: via e-mail

 

          Um tempo sem nome
Rosiska Darcy de Oliveira, O Globo, 21/01/12
Com seu cabelo cinza, rugas novas e os mesmos olhos verdes, cantando madrigais para a moça do cabelo cor de abóbora, Chico Buarque de Holanda vai bater de frente com as patrulhas do senso comum. Elas torcem o nariz para mais essa audácia do trovador. O casal cinza e cor de abóbora segue seu caminho e tomara que ele continue cantando “eu sou tão feliz com ela” sem encontrar resposta ao “que será que dá dentro da gente que não devia”.
Afinal, é o olhar estrangeiro que nos faz estrangeiros a nós mesmos e cria os interditos que balizam o que supostamente é ou deixa de ser adequado a uma faixa etária. O olhar alheio é mais cruel que a decadência das formas. É ele que mina a autoimagem, que nos constitui como velhos, desconhece e, de certa forma, proíbe a verdade de um corpo sujeito à impiedade dos anos sem que envelheça o alumbramento diante da vida .
Proust, que de gente entendia como ninguém, descreve o envelhecer como o mais abstrato dos sentimentos humanos. O príncipe Fabrizio Salinas, o Leopardo criado por Tommasi di Lampedusa, não ouvia o barulho dos grãos de areia que escorrem na ampulheta. Não fora o entorno e seus espelhos, netos que nascem, amigos que morrem, não fosse o tempo “um senhor tão bonito quanto a cara do meu filho“, segundo Caetano, quem, por si mesmo, se perceberia envelhecer? Morreríamos nos acreditando jovens como sempre fomos.
A vida sobrepõe uma série de experiências que não se anulam, ao contrário, se mesclam e compõem uma identidade. O idoso não anula dentro de si a criança e o adolescente, todos reais e atuais, fantasmas saudosos de um corpo que os acolhia, hoje inquilinos de uma pele em que não se reconhecem. E, se é verdade que o envelhecer é um fato e uma foto, é também verdade que quem não se reconhece na foto, se reconhece na memória e no frescor das emoções que persistem. É assim que, vulcânica, a adolescência pode brotar em um homem ou uma mulher de meia-idade, fazendo projetos que mal cabem em uma vida inteira.
Essa doce liberdade de se reinventar a cada dia poderia prescindir do esforço patético de camuflar com cirurgias e botoxes — obras na casa demolida — a inexorável escultura do tempo. O medo pânico de envelhecer, que fez da cirurgia estética um próspero campo da medicina e de uma vendedora de cosméticos a mulher mais rica do mundo, se explica justamente pela depreciação cultural e social que o avançar na idade provoca.
Ninguém quer parecer idoso, já que ser idoso está associado a uma sequência de perdas que começam com a da beleza e a da saúde. Verdadeira até então, essa depreciação vai sendo desmentida por uma saudável evolução das mentalidades: a velhice não é mais o que era antes. Nem é mais quando era antes.Os dois ritos de passagem que a anunciavam, o fim do trabalho e da libido, estão, ambos, perdendo autoridade. Quem se aposenta continua a viver em um mundo irreconhecível que propõe novos interesses e atividades. A curiosidade se aguça na medida em que se é desafiado por bem mais que o tradicional choque de gerações com seus conflitos e desentendimentos. Uma verdadeira mudança de era nos leva de roldão, oferecendo-nos ao mesmo tempo o privilégio e o susto de dela participar.
A libido, seja por uma maior liberalização dos costumes, seja por progressos da medicina, reclama seus direitos na terceira idade com uma naturalidade que em outros tempos já foi chamada de despudor. Esmaece a fronteira entre as fases da vida. É o conceito de velhice que envelhece. Envelhecer como sinônimo de decadência deixou de ser uma profecia que se autorrealiza. Sem, no entanto, impedir a lucidez sobre o desfecho.
”Meu tempo é curto e o tempo dela sobra”, lamenta-se o trovador, que não ignora a traição que nosso corpo nos reserva. Nosso melhor amigo, que conhecemos melhor que nossa própria alma, companheiro dos maiores prazeres, um dia nos trairá, adverte o imperador Adriano em suas memórias escritas por Marguerite Yourcenar.
Todos os corpos são traidores. Essa traição, incontornável, que não é segredo para ninguém, não justifica transformar nossos dias em sala de espera, espectadores conformados e passivos da degradação das células e dos projetos de futuro, aguardando o dia da traição.Chico, à beira dos setenta anos, criando com brilho, ora literatura , ora música, cantando um novo amor, é a quintessência desse fenômeno, um tempo da vida que não se parece em nada com o que um dia se chamou de velhice. Esse tempo ainda não encontrou seu nome. Por enquanto podemos chamá-lo apenas de vida.
ROSISKA DARCY DE OLIVEIRA é escritora. 

 

Emoticon_right